Related Posts with Thumbnails
Mauá -São Paulo- Brasil -
Neste blog o irmão e/ou amigo internauta irá encontrar textos, testemunhos e informações relacionadas ao evangelho. As informações e textos transmitidos são analisados tendo como base de autoridade a palavra de Deus que é um guia infalível para conduzir os servos do SENHOR neste mundo de trevas morais e espirituais. Exortando para que sejamos o "sal da terra" e "luz do mundo".
Loading...

quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

Feliz ano novo!

sábado, 27 de dezembro de 2008

Lâmpada para os meus pes é tua palavra, e luz para o meu caminho



      A palavra de Deus e somente ela é um guia infalível para conduzir os servos do SENHOR neste mundo de trevas morais e espirituais.Verdadeira luz somente há na palavra de Deus, mas infelizmente existem pessoas que buscam respostas para se guiarem em outras fontes ou caminhos. E estes caminhos embora pareçam proveitosos os seus fins levam somente a morte. (Pv 16.25)
      Somente a palavra de Deus é lâmpada e luz para nossos caminhos conforme afirmou o salmista:

      Lâmpada para os meus pés e tua palavra, e luz para o meu caminho (Sl. 119.105)

      A palavra de Deus aponta para o verdadeiro caminho: Jesus Cristo (Jo 14.6). Do primeiro ao último versículo das escrituras Jesus é o assunto. Em Gênesis o fruto da mulher, em Êxodo a rocha ferida, os profetas falavam a respeito de seu nascimento e ministério, os evangelhos relatam sua vida e ensinamentos, nas epistolas orientações para sua igreja e no apocalipse o relato de sua segunda vinda para buscar a sua igreja.
      Por isso devemos mais do que ler as escrituras devemos estudar com bastante afinco, pois o próprio Jesus pediu para que assim o façamos (Jo 5.39). O exemplo dos irmãos bereianos deve servir de espelho para nós, pois conforme relata Lucas: “Ora, estes foram mais nobres do que os que estavam em Tessalônica, porque de bom grado receberam a palavra, examinando cada dia nas Escrituras se estas coisas eram assim.” (At 17.11).
      Devemos não só receber a palavra de Deus, mas examinar se os ensinamentos ministrados estão em conformidade com as escrituras (Jo 17.17). Dessa forma evitaremos ensinamentos falsos como: maldição hereditária, cura interior, perdoar Deus, usos de amuletos (rosa, copo com água, toalhas) para promoverem curas e outros modismos que têm se infiltrado no meio evangélico.

Jogral : LÂMPADA PARA OS MEUS PÉS É TUA PALAVRA!

      1 – Para sempre, ó Senhor, a tua palavra permanece no céu.
      2 – Em Deus louvarei a sua palavra; em Deus pus a minha confiança e não temerei; que me pode fazer a carne?
      3 – Porque a palavra do Senhor é reta, e todas as suas obras são fiéis.
      4 – Como purificará o jovem o seu caminho? Observando-o conforme a tua palavra.
      5 – Escondi a tua palavra no meu coração, para eu não pecar contra ti.
      6 – Alegrar-me-ei nos teus estatutos; não me esquecerei da tua palavra.

      Todos: Lâmpada para os meus pés é tua palavra e luz para o meu caminho!

      1 – Querida Igreja, a Bíblia nos afirma que somos de Deus, mas que o mundo jaz no maligno!
      2 – Sim, o mundo está submerso nas trevas e na escuridão do pecado!
      3 – Porém, em meio a todo este caos, podemos ver a luz que ilumina o nosso caminho ao céu!

      Todos: E essa luz é a Palavra de Deus!

      4 – Ela ilumina os nossos passos e nos dá a direção necessária!
5 – Quando estamos firmados na Palavra, não nos desviamos nem para direita nem para a esquerda!
      6 – E assim, prosseguimos seguindo a nossa bússola fiel!

      Todos: Senhor, guia-me todos os dias pela tua Palavra!

      1 – Se temos a Palavra de Deus, nossos passos irão pelo caminho certo!
      2 – Se temos a Palavra de Deus, a nossa língua só falará de coisas boas!
      3 – Pela Palavra, os nossos pés andarão segundo o plano de Deus para nossas vidas!
      4 – Se ela estiver em nosso coração, não pecaremos contra o Senhor!
      5 – Pela Palavra, andaremos irrepreensíveis diante de Deus e do mundo!
      6 – Pela Palavra, só falaremos o que for bom para a edificação dos que nos ouvem!

      Todos: E o nosso louvor será recebido, se estivermos de acordo com a Palavra!

      1,2 – O Senhor nos tirou de um lago horrível, de um charco de lodo!
      3,4 – Ele pôs os nossos pés sobre uma rocha, firmou os nossos passos;
      5,6 – E pôs um novo cântico em nossas bocas, um hino ao nosso Deus;

      Todos: Muitos o verão, e temerão, e confiarão no Senhor, que nos tem transformado segundo a sua Palavra!

      1 – O mundo está mudando, mas o nosso Deus permanece para sempre!
      2 – E embora passem os céus e a terra, a sua Palavra não há de passar!
      3 – Somos mais do que vencedores, pois a sua Palavra habita em nós!
      4 – Eis que Ele breve vem. Bem-aventurado aquele que guarda estas palavras!
      5 – Bem-aventurado aquele que lê, e os que ouvem as palavras desta profecia, e guardam as coisas que nela estão escritas; porque o tempo está próximo.
      6 – Porque estas são as verdadeiras palavras de Deus.

      Todos: Queres ter vida nova? Enche-te da Palavra!

      1 – Porque esta Palavra tem poder para curar,
      2 – Para salvar,
      3 – E libertar o mais vil pecador.
      4 – Ela nos leva para o Céu e nos dá a Vida eterna.
      5 – É um livro santo, lindas e benditas escrituras.
      6 – É a nossa solução, nos dá paz e guarida.

      Todos: Porque estas palavras são gozo e alegria para o coração!

      1 – E é por isso que o ___________________________ está de pé!
      2 – Porque estamos firmados na Palavra do Senhor!
      3 – As lutas vêm, mas continuamos louvando pois aquele que nos fez a promessa é fiel!
      4 – Ele não nos deixa um só instante e, quando pensamos em desanimar...
      5 – Ele nos envia a sua Palavra e, logo, as nossas forças são renovadas!
      6 – E hoje estamos alegres e satisfeitos, por que:

      Todos: Lâmpada para os meus pés é tua palavra e luz para o meu caminho!

       Fonte: Jogral Evangélicos

quinta-feira, 25 de dezembro de 2008

Deus de promessas



       Todas coisas em nossa vida podem passar, mas o que Deus tem pra nós vale a pena esperar!

       Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim.
       Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito. Vou preparar-vos lugar.
       E quando eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também.

       Jo 14 (1-3)

       O SENHOR tem o melhor para você!

       As coisas que o olho não viu, e o ouvido não ouviu, E não subiram ao coração do homem, São as que Deus preparou para os que o amam.
       1 Co (2.9)

      Creia no SENHOR Jesus e abra o seu coração para ele fazer morada.

      Eis que estou à porta, e bato; se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e com ele cearei, e ele comigo.
      Ao que vencer lhe concederei que se assente comigo no meu trono; assim como eu venci, e me assentei com meu Pai no seu trono.

       Ap (3.20-21)

       Próximo esta o dia em que todas as causas de nossos sofrimentos serão extirpadas. Confia no SENHOR porque suas palavras são fiéis e verdadeiras!

      E Deus limpará de seus olhos toda a lágrima; e não haverá mais morte, nem pranto, nem clamor, nem dor; porque já as primeiras coisas são passadas.
      E o que estava assentado sobre o trono disse: Eis que faço novas todas as coisas. E disse-me: Escreve; porque estas palavras são verdadeiras e fiéis.

       Ap (21.4-5)

       Não importa o que esteja passando creia no SENHOR e vá até ao fim! Pregai o evangelho!

      Porque eu, o SENHOR teu Deus, te tomo pela tua mão direita; e te digo: Não temas, eu te ajudo.
      (Is 41.13)

      Como guardaste a palavra da minha paciência, também eu te guardarei da hora da tentação que há de vir sobre todo o mundo, para tentar os que habitam na terra.
(Ap 3.10)

      Tu, porém, vai até ao fim; porque descansarás, e te levantarás na tua herança, no fim dos dias. (
      Dn 12.13; Mt 24.13)

      Toque no Altar (Deus de promessas)





quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Dia da Bíblia




       O salmo 119 além de ser o maior salmo e maior capitulo da Bíblia destaca-se também por ser todo dedicado a falar da santa lei de Deus. Um versículo que me chama bastante a atenção e inclusive é o titulo do meu blog é o 105 que diz:

       " Lâmpada para os meus pés é tua palavra, e luz para o meu caminho."

       A Bíblia é a palavra de Deus que conduz os servos do SENHOR neste mundo de trevas morais e espirituais. Exortando para que sejamos o "sal da terra" e "luz do mundo".
       Em nosso calendário temos o segundo domingo de dezembro dedicado a palavra: o dia da Bíblia. Pesquisando no site da sociedade Bíblica do Brasil encontramos sua origem:

       "O Dia da Bíblia foi criado em 1549, na Grã-Bretanha pelo Bispo Cranmer, que incluiu a data no livro de orações do Rei Eduardo VI. O Dia da Bíblia é um dia especial, e foi criado para que a população intercedesse em favor da leitura da Bíblia. No Brasil a data começou a ser celebrada em 1850, quando chegaram da Europa e EUA os primeiros missionários evangélicos. Porém, a primeira manifestação pública aconteceu quando foi fundada a Sociedade Bíblica do Brasil, em 1948, no Monumento do Ipiranga, em São Paulo (SP).
       E, graças ao trabalho de divulgação das Escrituras Sagradas, desempenhado pela entidade, o Dia da Bíblia passou a ser comemorado não só no segundo domingo de dezembro, mas também ao longo de todas a semana que antecede a data. Desde dezembro de 2001, essa comemoração tão especial passou a integrar o calendário oficial do país, graças à Lei Federal 10.335, que instituiu a celebração do Dia da Bíblia em todo o território nacional.
       Hoje, as celebrações se intensificaram e diversificaram. Realização de cultos, carreatas, shows, maratonas de leitura bíblica, exposições bíblicas, construção de monumentos à Bíblia e distribuição maciça de Escrituras são algumas das formas que os cristãos encontraram de agradecer a Deus por esse alimento para a vida. "

       Devemos ser muito gratos a Deus por sua palavra que é considerada:

      O livro da sabedoria;
      O livro da revelação;
      O livro dos livros;
      O livro por excelência;
      O livro santo;
      A carta de Deus aos homens;
      A espada de dois gumes;
      O livro da inspiração.

      Lendo a Bíblia:

      Nos tornamos sábios para a salvação;
      Encontramos forças para não pecar;
      Podemos ensinar , corrigir,redargüir e instruir em justiça;
      Podemos ser usados como instrumentos nas mãos de Deus;

      Crendo na Bíblia teremos nossas vidas:

      Transformadas;
      Purificadas;
      Resguardadas;
      Abençoadas.

     Amado irmão ou amigo internauta se você ainda não leu a Bíblia comece hoje mesmo!
      Plano de leitura completa da Bíblia em um ano elaborado pela sociedade Bíblica do Brasil. Clique aqui
      Quadro de leitura Bíblica elaborado pela sociedade Bíblica do Brasil. Clique aqui

domingo, 7 de dezembro de 2008

Papai Noel: deus pagão ou cristão?



       Com a proximidade do dia 25 de dezembro, data em que comemora-se o Natal a mídia e o comércio veiculam cada vez mais matérias que fazem alusão a este dia. Dia criado em principio para comemorar o nascimento de Jesus, mas hoje não passa de uma data comercial, além de ter sua origem pagã onde as pessoas mais lembram do "papai" Noel, presentes e festas regadas a muita bebida alcoólica do que a Cristo.
       A revista Época desta semana traz uma matéria com o título que me chamou a atenção - Papai Noel: deus pagão ou cristão? Você já pensou nisso? Quem é nosso pai ou papai?
       Pesquisando encontra-se facilmente que Jesus não nasceu no dia de 25 de dezembro:

       Na bíblia o historiador e médico Lucas relatando o dia do nascimento de Jesus diz: "Ora, havia naquela mesma comarca pastores que estavam no campo, e guardavam, durante as vigílias da noite, o seu rebanho." (Lc. 2.8). Segundo o calendário do hemisfério norte dia 25 de dezembro é inverno e os rebanhos já estariam recolhidos, sendo assim mais provável que Jesus tenha nascido entre Março e Outubro/Novembro e não no dia 25 de dezembro.
       Portanto, vemos mediante as escrituras que esta data não passa de invencionice da igreja romana.
       Pesquisando em literatura leiga vemos na wikipédia o seguinte comentário:
       "Segundo estudos, a data de 25 de dezembro não é a data real do nascimento de Jesus. A Igreja entendeu que devia cristianizar as festividades pagãs que os vários povos celebravam por altura do solstício de Inverno.
       Portanto, segundo certos eruditos, o dia 25 de dezembro foi adotado para que a data coincidisse com a festividade romana dedicada ao "nascimento do deus sol invencível", que comemorava o solstício do Inverno. No mundo romano, a Saturnália, festividade em honra ao deus Saturno, era comemorada de 17 a 22 de dezembro; era um período de alegria e troca de presentes. O dia 25 de dezembro era tido também como o do nascimento do misterioso deus persa Mitra, o Sol da Virtude."

       Como vimos tanto a Bíblia como os eruditos seculares afirmam que Jesus não nasceu no Natal ou dia 25 de dezembro. Quanto a idéia que originalmente tiveram de "comemoração" do nascimento de Cristo, o que constatamos que trata-se de uma data puramente pseudocristã, comercial e o seu protagonista que deveria ser Jesus foi substituído por outro personagem pagão que chamam de "Papai" Noel.
       Sabemos que os cristão verdadeiros tem por pai ou papai somente o pai celestial o qual dirigiu as palavras para Jesus: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo. (Mt 3.17b). E que Ele nós amou de tal forma que para nos salvar permitiu que seu filho amado fosse morto na cruz(Jo 3.16). E Jesus nosso SENHOR e salvador verdadeiramente homem e verdadeiramente Deus merece muito mais de um dia no calendário. E não apenas compartilhar um dia apenas com deuses pagãos, em uma festa que para muitos lembra apenas uma ocasião para reunir: a família, amigos e festejar muitas vezes bebendo e fazendo arruaças. Com certeza "papai" Noel pode ser nem mesmo considerado deus no sentido de ser adorado, mas pagão com toda certeza. Contudo, meus amados em Cristo no dia 25 dezembro ou natal venhamos lembrar realmente de nosso SENHOR e informar ao mundo a sua segunda vinda e o arrebatamento da igreja.

quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Bom testemunho na web: Pastor escapa do falso seqüestro por telefone e...ora pelo bandido


      O golpe do falso seqüestro por telefone continua bombando, no Rio. Agora há pouco um criminoso ligou para a casa de um pastor evangélico, que atendeu o telefone já ouvindo a seguinte declaração, com voz de jovem desperado e chorando:

      - Pai, os caras me pegaram. Eles estão dando voltas comigo e falaram que vão me matar.

      Aí entra uma voz diferente que trava o seguinte diálogo com a vítima:

      - Estamos com o seu filho e queremos R$ 30 mil para liberá-lo - diz o criminoso.

      - E se eu tivesse problema do coração e passasse mal com essa notícia? - indaga o pastor.

      - O sr. sabe de onde eu estou falando? - indagou o bandido, insinuando estar preso, como muitos dos criminosos que praticam esse tipo de golpe.

      - Não me interessa onde o sr. está - respondeu o pastor - Não há nada que justifique uma maldade dessas que está cometendo contra um pai de família. O sr. sabe que está praticando o mal. E vai prestar contas diante de Deus por isso que está fazendo. Eu estou com tanta raiva do senhor. E não me peça para explicar porque tenho que dizer que, apesar disso, Deus o ama e quer reconstruir sua vida.

      - O sr. me perdoe. Eu sou pai de dois filhos. Eu não queria estar fazendo isso. Eu peço que o sr. ore por mim - disse o bandido, quebrantado.

Mesmo bufando, o pastor orou e abençoou o bandido. Isso é o que eu chamo de fé genuína e transformadora.


Fonte: Edição online de Oglobo

      Comentário:

      Em tempos em que muitos trazem escândalo ao evangelho é importante vermos irmãos que enaltecem e glorificam o nome do SENHOR em todos os momentos inclusive em momentos de dificuldades.

       Então voltareis e vereis a diferença entre o justo e o ímpio; entre o que serve a Deus, e o que não o serve. Ml 3.18

Tempo de Deus



      
Tudo tem o seu tempo determinado, e
há tempo para todo o propósito debaixo do céu.
Há tempo de nascer, e tempo de morrer; tempo de plantar,
e tempo de arrancar o que se plantou;
Tempo de matar, e tempo de curar; tempo de
derrubar, e tempo de edificar;
Tempo de chorar, e tempo de rir; tempo de prantear, e
tempo de dançar;
Tempo de espalhar pedras, e tempo de ajuntar pedras; tempo de abraçar, e tempo de afastar-se de abraçar;
Tempo de buscar, e tempo de perder;
tempo de guardar,e tempo de lançar fora;
Tempo de rasgar,e tempo de coser; tempo de estar , calado, e tempo de falar;
Tempo de amar, e tempo de odiar; tempo de guerra, e tempo de paz.
(Ec 3.1-8)



      Todos nós temos projetos de ter uma vida abençoada na presença de Deus, de crescer espiritualmente, de constituir família, de ter uma carreira bem sucedida profissionalmente e etc. A bíblia diz: que tudo tem um tempo determinado (Ec 3.1) para acontecer em nossa vida. Há tempos que temos que passar momentos difíceis de chorar, de prantear, de perder, de rasgar, lançar fora e etc. Nestes tempos difíceis o SENHOR esta nos ensinando pela escola do deserto, a esperar, a confiar nEle, a fazer somente a nossa parte, pois a parte de Deus ele fará no tempo determinado.
      Há tempos de preparar-se: de plantar, de edificar,de ajuntar pedras, de buscar, de guardar, de coser, de estar calado. Neste tempos temos que fazer o melhor porque certamente iremos receber a recompensa pelas atividades realizadas (Gl 6.7). Temos que lançar os fundamentos para colher o que foi plantado e/ou edificado. De trabalhar ainda mais na obra do SENHOR buscando ganhar vidas para Cristo. Para que nesta vida sejamos abençoados (Dt 28.2) e na outra vida tenhamos a salvação.
      Há tempos de colher o que plantamos são tempos felizes para os que plantarem boas obras. Tempo de arrancar o que se plantou, de ser curado, de rir, de dançar, de abraçar, de falar e de paz. Em todos os tempos temos de agradecer, mas nestes tempos em especial temos agradecer ainda mais ao Senhor por todos os benefícios a nós concedidos(Sl 103.1-2)

      Em nossas vidas alternamos tempos difíceis, de preparação e de colheita. O mais importante é saber que o SENHOR esta no controle em todo o tempo, e se estivermos dispostos aguardar o tempo de Deus certamente no momento determinado mediante a nossa obediência seremos abençoados. (Dt 28.2)

      Louvor: Tempo de Deus (Rose Nascimento)




      Quando ouvi a tua voz, tocou meu coração,
      Uma emoção tão forte que nunca senti...
      O anseio de minh'alma, ensinou-me a superar,
      E mostrou várias razões pra que eu pudesse esperar...

      O tempo de Deus na minha vida,
      O tempo de Deus pros meus sentimentos,
      O tempo de Deus para o milagre,
      O tempo de Deus vai se cumprir...
      O tempo de Deus pras minhas promessas,
      O tempo de Deus pra minha cura,
      O tempo de Deus pra me exaltar,
      O tempo de Deus... posso esperar...

      Seu filho:
      Quando ouvi a tua voz, tocou meu coração,
      Uma emoção tão forte que nunca senti...
      O anseio de minh'alma, ensinou-me a superar,
      mostrou várias razões pra que eu pudesse esperar...
      Composição: Rodne

quarta-feira, 26 de novembro de 2008

Nenhuma condenação há



     De todas as provas que eu
     Já passei
     É bem difícil Senhor
     A gente ter que ouvir acusações
     Do vil tentador
     Lembranças do passado vem
     E querem me fazer parar
     Ou mesmo palavras de alguém
     Que não quer na gente acreditar
     E quase parando sem forças e vigor
     A gente lê a palavra
     Encontra bastante poder
     Prá vencer
     E continuar a jornada
     E vêr que o passado ficou prá tras
     Pois Cristo na cruz tudo já venceu
     E saber que Dele não lembra mais
     Eu canto pra glória de Deus.

     Nenhuma condenação há
     Para quem está em Ti Jesus
     Cuja a vida coberta está
     Pelo sangue que desceu na cruz
     É certo que provas virão
     Investidas do vil tentador
     Mas nenhuma condenação há
     Para quem está em Ti
     Querido Senhor.


domingo, 23 de novembro de 2008

Namoro Cristocêntrico


       
      Todo aquele, pois, que escuta estas minhas palavras, e as pratica, assemelhá-lo-ei ao homem prudente, que edificou a sua casa sobre a rocha;
      E desceu a chuva, e correram rios, e assopraram ventos, e combateram aquela casa, e não caiu, porque estava edificada sobre a rocha. Mt 7.24-25



      Devemos buscar a orientação do nosso SENHOR para tudo que vamos fazer. Depois que fazemos a primeira e grande escolha que é aceitar a Cristo como Senhor e Salvador, a segunda e não menos importante é escolher a pessoa que iremos passar o resto da vida.
      Grandes expectativas têm os jovens de conhecer logo esta pessoa, e por isso acabam muitas vezes "ficando" em vez de namorar. Não tenho dúvidas que namorar é muito melhor, mas deve implicar compromisso e amor, pois a própria palavra nAMORo contém a palavra amor.
      Mas como deve ser o namoro do jovem cristão? O namoro deve ser cristocêntrico, mas o que isto quer dizer? Deve ser um namoro a três, agora acho que piorou? Mais calma! Não estou pregando nenhuma heresia.
      O namoro cristocêntrico deve ser entre você, seu(ua) namorado(a) e o Senhor Jesus. Seu relacionamento deve ter como centro cumprir a vontade de Jesus para suas vidas, ou seja, ter Cristo como centro de seu namoro.
      No texto de Matheus 7:24-25 diz que o homem prudente construi a casa sobre a rocha. A rocha que devemos construir nossa casa é Cristo. O namoro é apenas a primeira fase que avança depois para noivado e termina no CASAmento.
      Uma familia começa no namoro de dois jovens e quando já no namoro estão firmados sobre a rocha que é Cristo ao estreitarem os laços para um noivado, e posteriomente para o casamento estarão firmes também. Certamente virão as lutas o texto diz: "desceu a chuva, e correram rios, e assopraram ventos, e combateram aquela casa", mas a casa não caiu.
      Em suma, quando o namoro inicia-se como cristocêntrico (cristo no centro) esta com muito bom alicerce e a casa ou CASAmento construido sobre esta ROCHA não cai mesmo diante de todas as dificuldades.

      Leia também: Ficar ou namorar

sexta-feira, 14 de novembro de 2008

Sinal vermelho!

Cuidado! com a Obamalatria


        O mundo imerso em mais uma das crises cíclicas do capitalismo oriunda da ganância (1Tm 6.10) e deslealdade dos agentes do mercado financeiro dos EUA, crise que esta abalando todo planeta em maior ou em menor grau. Neste cenário de crise financeira americana e mundial ocorre um resultado inédito a eleição do 44º presidente americano, porém o 1º presidente negro da história americana: Barack Obama.
        Aproveitando-se da baixa aprovação do governo Bush, da crise financeira e da manipulação de boa parte da imprensa americana em seu favor criou a imagem de salvador da pátria e do mundo.
        Lendo a mais uma das matérias que faz alusão quase messiânica a Barack Obama a revista Isto é, desta semana(12/11) traz já na capa a seguinte manchete: Pode este homem salvar a América e o mundo? E em sua edição online a matéria: Temos um redentor?
Despertou mais ainda o sinal vermelho para que tenhamos cuidado com todo este cenário.

       
As pessoas em geral e lideres mundiais depositam mais uma vez suas esperanças no homem em vez de voltarem para o nosso SENHOR e SALVADOR. Pessoas vibrando por todo mundo, chorando , com camisetas com o rosto ou com o nome de Obama constituindo uma verdadeira Obamalatria.

        Sabemos que único redentor nosso é Cristo Jesus( 2 Co 5.19) e que não há a outro nome pelo qual venhamos a ser salvos (At 4.12). O profeta Jeremias já alertava há muito tempo maldito é o homem que confia no homem (Jr 17.5)
e bendito o homem que confia no SENHOR (Jr 17.7)
É tempo de confiarmos ainda mais no SENHOR e anunciar a Jesus como SENHOR e SALVADOR, pois o arrebatamento da Igreja esta cada vez mais próximo (1 Ts 4.17)

terça-feira, 11 de novembro de 2008

Museu da Bíblia


        O museu da Bíblia é uma parceira da sociedade bíblica do Brasil e a prefeitura de Barueri (SP). Conta com grande acervo com mais de 17 mil obras relacionadas às escrituras.        Possui também um centro de eventos e as seguintes áreas:
       Exposição: 450 m²  
       Biblioteca: 225 m²
       Auditório: para 500 pessoas
       Estacionamento: para 200 veículos
       Video que demonstra o museu da Biblia








       Horário de funcionamento:
       De terça a domingo
       Das 9h às 17h
       Consulta só com agendamento prévio







       Entrada: Gratuita
       Fonte: Museu da Bíblia
       Telefone: (11)4168-6228

domingo, 9 de novembro de 2008

Vale a pena conferir a 5ª EBO (Escola Bíblica de Obreiros de Mauá)

Dias 18 à 22 de Novembro

Programação:

Dia 18 - Terça-feira:

19:00hs – Culto de Abertura:

Preletor: Pr. Samuel Marcelino da Silva (Presidente do Campo)


Dia 19 - Quarta-feira:

Das 8:30 às 9:00hs - Devocinal.

Das 9:00 às 11:30hs - Pr. Silas Daniel

Das 12:00 às 14:00hs - Almoço.

Das 14:00 às 14:30hs - Devocinal

Das 14:30 às 16:30hs - Pr. Silas Daniel

Às 19:00hs - Culto Evangelístico:

Preletor: Pr. Marco Aurélio

Dia 20 - Quinta-feira:


Das 8:30 às 9:00hs - Devocinal.

Das 9:00 às 11:30hs - Pr. Sérgio Pereira

Das 12:00 às 14:00hs - Almoço.

Das 14:00 às 14:30hs - Devocinal

Das 14:30 às 16:30hs - Pr. Sérgio Pereira

Às 19:00hs - Culto Evangelístico:

Preletor: Ev. Marcio Sanches


Dia 21 - Sexta-feira:

Das 8:30 às 9:00hs - Devocinal.

Das 9:00 às 11:30hs - Pr. Irineu Lima Pereira

Das 12:00 às 14:00hs - Almoço.

Das 14:00 às 14:30hs - Devocinal

Das 14:30 às 16:30hs - Pr. Irineu Lima Pereira

Às 19:00hs - Culto Evangelístico:

Preletor: Pr. Francisco Sales


Dia 22 - Sábado:

Das 8:30 às 9:00hs - Devocinal.

Das 9:00 às 11:30hs - Pr. José Fernandes Filho

Das 12:00 às 14:00hs - Almoço.

Das 14:00 às 14:30hs - Devocinal

Das 14:30 às 16:30hs - Pr. José Fernandes Filho

Às 19:00hs - Culto de Encerramento:

Mais detalhes em: site oficial da igreja

sábado, 8 de novembro de 2008

Operando Deus quem impedirá?


        Chegando domingo à noite de um culto bastante abençoado resolvi conectar na internet e checar: e-mails, orkut, blog e etc. Para minha surpresa recebo uma visita inesperada de um fake (profile falso) no orkut que lê meu perfil e começou a me amaldiçoar dizendo: "Que eu me achava um templo do Espírito Santo, mas na verdade não era ...". Que eu pensava que Deus iria me abençoar com algo que tenho esperado com paciência no SENHOR, mas que isto não iria acontecer.
        Fiquei por um tempo calado pensando e perguntei para mim mesmo quem pode amaldiçoar o que Deus abençoou? Ninguém!Durante a semana busquei mais a presença do SENHOR em oração, leitura da palavra e consagração. Os dias foram passando e no sábado fomos para Americana (SP) com a mocidade onde houve um culto muito abençoado festividade da mocidade local.
        O pr. Samuel Procópio de São Paulo (capital) usado pelo SENHOR ministrou falando da vida de José (Gn 37-50) e do trabalhar de Deus em sua vida. Exortou os jovens a se prepararem que o SENHOR assim como preparou José estava preparando-nos para grandes coisas.
        No final do culto o pr. Samuel chamou os jovens e propôs que orássemos para sermos batizados com o Espírito Santo, e eu comecei buscar ainda mais esta bênção e o SENHOR começou a batizar os jovens presentes. Naquela noite o SENHOR também me batizou com o Espírito Santo! Oh glória! algo que buscava há algum tempo. Houve cerca de 30 jovens batizados com o Espírito Santo.
        O inimigo pode até usar alguém para amaldiçoar a nossa vida, mas operando Deus em nosso favor quem impedirá? (Is 43.13) Na bíblia temos o caso de Balaque que contratou o profeta Balaão para amaldiçoar a Israel, mas em vez de amaldiçoar acabou abençoando(Nm 22-24). Porque Deus opera em favor daquele que nele espera (Is 64.4). Quando estamos na obediência da palavra de Deus seremos benditos (Dt 28.1-2) buscando as Suas promessas com zelo receberemos. E o Espírito Santo é uma promessa de Deus (At 2.38-39) para nossas vidas (Jo 14.16-26 ; At 1.8), mas devemos estar em obediência para recebê-lo(At 5.32) e assim o SENHOR cumpriu mais uma de suas promessas na minha vida. Por isso desde já agradeço ao Senhor:

        Por tudo o que tens feito
        Por tudo o que vais fazer
        Por tuas promessas e tudo o que és
        Eu quero te agradecer
        Com todo o meu ser
        Te agradeço , meu Senhor

        (Refrão) Te agradeço por me libertar e salvar
           Por ter morrido em meu lugar

        Te agradeço
        Jesus, te agradeço
        Eu te agradeço
        Te agradeço


quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Ateus promovem campanha para difundir seus pensamentos em Londres.



       Em reportagem divulgada na revista Época desta semana uma cidadã britânica atéia juntamente com outros colaboradores ateus está promovendo uma campanha nos ônibus da cidade com o seguinte slogan: "There probably no God. Now stop working and enjoy your life" que traduzindo diz: Provavelmente, Deus não existe. Agora, pare de se preocupar e curta a vida. Com objetivo de atacar a existência de Deus e promover o carpe diem.
        Em uma sociedade materialista e com valores relativistas apartada de Deus a descrença de Sua existência tem ganhado cada vez mais adeptos. O antropocentrismo que coloca o homem no centro do universo e a realização de seus desejos hedonistas como prioridade têm cegado a mente de pessoas incrédulas (2 Co 4.4). Estas pessoas iram-se ao terem suas descrenças contrariadas.
        Sabemos que Deus existe sim e que se torna galardoador daqueles que seriamente o buscam (Hb 11.6) e que por Ele existimos e nos movemos (At 17.28). Devemos orar para que a luz do evangelho penetre na mente e no coração destas pessoas, para que possam ver que estes caminhos, embora pareçam proveitosos levarão somente a destruição e ruína.(Pv 14.12)


Leia também: Diálogo com jovem agnóstico

terça-feira, 21 de outubro de 2008

Deus esta me ensinando!


       Quantos de nós estávamos em algum momento em uma situação confortável só tínhamos bênçãos para contar e ocorreu uma mudança radical começa vir às lutas, as provas, as dificuldades sentimos tentados a murmurar, a desistir a pensar que Deus não esta vendo e que iremos perecer.
       Também há aqueles momentos que estamos felizes e esquecemos-nos de agradecer ao SENHOR por todos os seus benefícios que tem feito em nosso favor (Sl 103.1-2).
       Alguns pregadores ensinam que devemos ser super crentes, invulneráveis que não devemos aceitar ficar doentes,que não devemos passar por dificuldades financeiras e outros problemas em nossas vidas. Que devemos determinar a nossa bênção, a nossa vitória, a nossa cura e etc. Que devemos colocar "Deus contra parede" e exigir que Ele faça o nosso querer, invertendo assim os papéis ensinando que devemos ser senhor de nossas vidas fazendo o SENHOR de nosso servo.
       Aprendi com o exemplo de Jó que o próprio SENHOR testemunhou de sua conduta. (Jó 1.8) Ele abruptamente perdeu tudo: família, bens e ficou doente, mas não murmurou ...não exigiu que Deus o curasse, devolvesse sua família e bens, mas repreendeu sua esposa quando pediu para que murmurasse de seu Deus (Jó 2.9) e no final o SENHOR recompensou por sua fidelidade e fé (Jó 42.12-17)
       Medite neste louvor:

       Deus Está Me Ensinando
       (Eyshila)

       Deus está me preparando para um novo tempo...
       Deus está me ensinando a viver pra ele, cada momento e a tribulação só produz em mim, paciência e a solidão
       nunca vai me roubar a certeza da sua presença
       Deus está me ensinando a viver...
       Deus está me ensinando a sonhar...
       Deus está me preparando para ver todas as promessas que eu vou conquistar...
       Deus está me ensinando a obedecer
       Deus está me ensinando a amar e enquanto eu espero a minha bênção...
       Deus está me ensinando a adorar...

       Me ensinando...
       Deus está me ensinando a adorar...
       (3x)

       Me ensinando... Deus está...

       No dilúvio, no êxodo, na prisão, na pobreza, na escassez, na seca do sertão, no calor do deserto, no mar que foi aberto, naquele projeto que nunca deu certo, nos enlutados que choram seus mortos, nos escombros de um terremoto, nas ruínas de um muro caído, no choro da mãe que perdeu seu filho querido, nos gritos de pavor, no silêncio da dor, nos currais, nos palácios, nos hinos de louvor, na cova dos leões, na morte de cruz, nas gotas de
sangue que verteu Jesus, nas tribulações e nas perseguições, nas notas de muitas e muitas e muitas e muitas canções...


       Me ensinando...

       Deus está me ensinando a adorar...
       Fonte: Site oficial

       Não importa qual seja sua situação esta na bênção ou na prova louve e exalte o SENHOR e espere que no momento certo Ele te dará a vitória. Lembre que em todos os momentos o SENHOR esta te ensinando.

sexta-feira, 10 de outubro de 2008

Quando Deus fez a mulher...




       Quando Deus fez a mulher não fez do dedão do pé, para que não fosse inferior ao homem.
       Quando Deus fez a mulher não fez da cabeça, para que não fosse igual ao homem.
       Quando Deus fez a mulher fez da costela, para que ficasse debaixo do braço do homem protegida e perto de seu coração.
(Texto adaptado de Agostinho do séc. 5)

quinta-feira, 9 de outubro de 2008

É inexplicável para ciência, mas a bíblia explica o porquê morremos



        Existem algumas questões que a ciência tenta responder sem lograr êxito, mas uma particularmente o homem natural tem lutado desde os seus primórdios sem conseguir responder, pois de modo inexorável ela vem assolando a humanidade: a morte.
        Desde a antiguidade e idade média os químicos da época os chamados alquimistas tentaram chegar a uma forma para prolongar a vida o chamado elixir da juventude que conduziria o homem a vida eterna. Muitos dos quais morreram durante a realização destes experimentos.
        Biologicamente nossas células deveriam continuar se renovando eternamente pelos processos de meiose e mitose, mas o que ocorre de fato é que aos poucos envelhecemos e morremos. A ciência tenta explicar, entender e anular a ação dos radicais livres que "oxidam" as células produzindo o processo de entropia que leva a morte, porém não conseguirão equacionar e resolver este problema, mas por quê?
        A bíblia sagrada explica claramente o porquê morremos. O apóstolo Paulo ao escrever aos Romanos apontou o real motivo dizendo: "Porque o salário do pecado é a morte" (Rm 6.23). Quando Adão e Eva estavam no Éden foram alertados para permanecer tendo comunhão com Deus deveriam obedecer a uma única ordem: "E ordenou o SENHOR Deus ao homem, dizendo: De toda a árvore do jardim comerás livremente, Mas da árvore do conhecimento do bem e do mal, dela não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás." Infelizmente, o homem e a mulher foram enganados pela serpente (o diabo) desobedeceram (pecaram) e perderam sua comunhão com Deus e como resultado além de serem expulsos do Éden foram condenados a morte por sua transgressão não somente eles, mas todos seus descendentes (Rm 5.12).
        O SENHOR após a queda imediatamente produziu a primeira profecia (Gn 3.15) na qual prometia um descendente à mulher que iria vencer a serpente. Os profetas durante muitos séculos profetizaram o seu nascimento e ministério até que Jesus nosso salvador nasceu, cresceu e cumpriu seu ministério sem pecar oferecendo a si próprio como resgate dos nossos pecados. Agora temos novamente livre acesso ao Senhor mediante Cristo Jesus estávamos condenados a morte pelos nossos pecados, mas o Senhor Jesus pagou o preço que não poderíamos pagar. Quanto à morte depois da segunda vinda de Cristo para buscar a sua igreja, da grande tribulação e do milênio será exterminada (Ap 20.14). A bíblia diz que Deus limpará de nossos olhos toda a lágrima; e não haverá mais morte, nem pranto, nem clamor, nem dor (Ap 21.4). Maranata! Ora vem SENHOR Jesus!

quinta-feira, 25 de setembro de 2008

Os tipos de crentes de antigamente e os atuais.


       Durante os aproximadamente 3 anos e meio de seu ministério o SENHOR Jesus Cristo reuniu em torno de si uma grande multidão de pessoas: algumas para ouvir uma palavra e seguir seus ensinos fielmente, outras interessadas nas bênçãos, enquanto outras procuravam ocasião para condená-lo (Mc 11.18).
       Nos nossos dias em nossas igrejas também têm atraído pessoas com diferentes motivações: algumas querem ouvir uma palavra para mudar suas vidas (Hb 4.12) e depois de terem suas vidas transformadas ajudam a proclamar o verdadeiro evangelho (Jo 4.28-30), outras estão interessadas nas bênçãos materiais (carro, casa, dinheiro $), afetivas e curas; e também ainda há as que conhecem as escrituras e não vivem, mas estão prontos a apontar erros e problemas nos outros.
       Devido às diferentes motivações podemos observar que há três tipos de crentes atualmente: os "bem suados", os abençoados e os que são uma bênção.
       Os crentes “bem suados” são aqueles que correm atrás das bênçãos, mas não querem o Deus da bênção. Vivem atrás de movimentos, de pregadores, cantores e sinais. Gostam de apontarem defeitos e problemas em outros irmãos, mas não olham para si próprios (Mt 7.3-5).
       Os crentes abençoados (Dt 28.2) são aqueles que vivem uma vida regrada conhecem as escrituras passam por provas e tribulações e louvam ao SENHOR mesmo assim(Jó 1.21), e a cada dia crescem na fé, na esperança e no amor. (1 Co 13.13)
       Os crentes que são uma bênção são aqueles além de serem abençoados é canal de bênção para suas famílias, trabalho, escola e igreja. São os exemplos dos fiéis (1 Tm 4.12), pessoas zelosas por obras excelentes e suas vidas são para servir ao SENHOR normalmente são humildes, pois sabem que toda glória e toda honra pertence ao SENHOR(Is 42.8).
       Não precisamos correr atrás das bênçãos, pois se andarmos nos caminhos do SENHOR elas nos alcançarão (Dt 28.2), não precisamos correr atrás dos sinais, pois na verdade os sinais seguiram os que crêem e não o contrário (Mc 16.17). Seremos abençoados se tememos e andarmos firmemente nos caminhos do SENHOR (Js 1.7-9;Sl 128) e seremos um canal de bênção para todos se compreendermos e vivermos os ensinamentos de Jesus (Mt 5-7).

segunda-feira, 22 de setembro de 2008

Porque não ao carpe diem?


       Algumas pessoas pensam que carpe diem seria apenas um perfume do boticário (risos), mas na verdade este produto propaga uma forma de viver a vida, que podemos entender melhor conhecendo o seu significado original.
       Carpe diem é uma expressão originária do latim que significa aproveite o dia ou colha o dia, segundo este modo de pensar devemos aproveitar ao máximo a vida buscando o prazer individual imediato (hedonismo).
       Muitos hoje estão vivendo segundo esta maneira de pensar, principalmente jovens que estão procurando "curtir" a vida, porém este tipo de conduta não é exclusiva dos nossos dias. Nos dias do apóstolo Paulo as pessoas viviam segundo este proceder também e diziam: "Comamos e bebamos que amanhã morreremos" (1 Co 15.32). Mas como nós como cristãos devemos proceder?
       O apóstolo Paulo combateu este tipo de filosofia ou modo de viver a vida (1 Co 15.33) ele disse: "Se esperamos em Cristo só nesta vida, somos os mais miseráveis de todos os homens”, (1 Co 15.19). Paulo padeceu muito por pregar o evangelho a ponto de ser jogado as bestas em Éfeso. (1 Co 15.33) Se sua esperança estivesse somente nesta vida ele iria aproveitar a vida ou "curtir" a vida, mas a esperança do cristão é que ainda que morramos iremos ressuscitar (Jo 5.28-29, 1 Co 15.12-19), porém se estivermos vivos na segunda vinda de Jesus Cristo iremos ser arrebatados ainda vivos (1 Ts 4.17).
       Portanto, não façamos como muitos que não têm esperança vivendo o carpe diem (Fp 3.19), mas façamos como o apóstolo Paulo (Fp 3.17) prossigamos para o alvo, pelo prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus (Fp 3.14). Sabendo que o melhor para nós ainda estar no porvir. (1 Co 2.9, Fp 3.20-21)

quarta-feira, 17 de setembro de 2008

Fazendo Missões. Parte 2

        Há um hino muito bonito que nos exorta a trabalhar para o SENHOR buscando salvar almas. O hino 16 da harpa
cristã
que diz:

1
Posso tendo as mãos vazias,
Com Jesus eu me encontrar?
Nada fiz, e vão-se os dias,
Que Lhe posso apresentar?

Coro
Posso tendo as mãos vazias,
Com Jesus, eu me encontrar?
Quantas almas poderia
Ao Senhor apresentar?

(...)

5
Despertemos, Já é dia; Trabalhemos, com fervor;
E levemos, com alegria, Muitas almas ao Senhor.

       Neste hino temos uma questão para nós: " Posso tendo as mãos vazias, Com Jesus eu me encontrar?" (Mt 28.19-20) e uma exortação: "Despertemos, Já é dia; Trabalhemos,com fervor; E levemos, com alegria, Muitas almas ao Senhor. " Na primeira parte discorremos brevemente de como ajudar os missionários e de suas dificuldades no campo, mas mesmo não sendo missionário em outros locais distante de nossas residências podemos trabalhar para o SENHOR ganhando almas para Cristo. Agora falaremos de outra forma de participar de missão além das formas vistas na primeira parte.
       Muitos irmãos querem ser missionários em terras distantes por amor as almas que estão perecendo, mas se esquecem que muitos também estão perecendo a nossa volta. Por isso podemos começar evangelizando nossos familiares, amigos, nossa vizinhança, amigos de escola, trabalho e etc.(At 20.20)
       Uma boa iniciativa para começarmos seria criar grupos de evangelismo em nossa igreja para visitar nossa vizinhança, escolas, hospitais, presídios e outros locais. Realizando este trabalho estaremos semeando (Mc 4.2-20) e o Espírito Santo trabalhará nestas vidas para que possam ver a luz evangelho.(Jo 16.8)
       Evangelizando estaremos colocando a nossa fé em prática, pois a fé sem obras é morta (Tg 2.26)cumprindo o ide (Mt 28.19-20) demonstrando amor ao nosso próximo( Mt 22.37). E certamente quando nos apresentarmos ao SENHOR não estaremos de mãos vazias! Portanto, " Despertemos, Já é dia; Trabalhemos, com fervor; E levemos, com alegria, Muitas almas ao Senhor".

sábado, 13 de setembro de 2008

Glorificando o SENHOR na provação


       Em tempos em que se prega um evangelho fácil de pro$peridade$ e da ausência de problemas, prega-se a rosa e não mostram os espinhos muitos irmãos não entendem a razão de passarem por provações, mas o Senhor Jesus nós alertou que passaríamos por provas (Jo 16.33) e o apóstolo Paulo nos exortou para que glorificássemos o SENHOR nas tribulações (Rm 5.3).
       Quando chegamos à igreja estamos com roupas, sandálias do Egito (mundo) não podemos pensar e viver da forma em que vivíamos quando éramos escravos, mas agora estamos verdadeiramente libertos temos que desfazer da velha criatura (Jo 8.36, 2 Co 5.17).
       Muitos não querem mudar com suas velhas práticas estão procurando igrejas onde possam permanecer do jeito que chegaram, mas o SENHOR quer que não conformemos com nós mesmos e venhamos mudar nosso modo de viver para agradá-lo (Rm 12.2).
       Novos convertidos não entendem o porquê aparentemente tinham uma "vida melhor" quando não estavam na igreja, pois faziam o que queriam eram "livres", mas na verdade eram escravos dos seus próprios desejos (2 Pe 2.19).
       Os Israelitas que ficaram com saudades do Egito, que murmuram e desobedeceram ficaram no deserto. Muitas vezes o SENHOR nos permite passar por desertos nestes momentos podemos sentir o SENHOR mais próximo, pois foi no deserto onde o povo de Deus viu os maiores milagres: maná caia do céu (Ex 16), eram guiados de dia com a coluna de nuvens e à noite com a coluna de fogo (Ex 13.21), viram o mar se abrir (Ex 14.21-30), porém foi no deserto também onde milhares morreram. (Nm 14.21-24)
       Portanto, quando estivermos no deserto (provação) não venhamos querer voltar para o Egito ou buscar algo que nos agrade,porém entristece o SENHOR, mas esperar com paciência no Senhor (Sl 40.1) mesmo que a situação seja adversa (Jó 1.19-21) e quando esperamos com paciência nos ganhamos experiência com o SENHOR e esta experiência nós ajudará a saber que no momento certo o SENHOR agira em nosso favor. Louvando o SENHOR na tribulação mantemos nossa esperança (Rm 15.13, Hb 11.1) enquanto caminhamos para nova Canãa celestial. (Rm 5.3-5 Hb 12.1-3)

terça-feira, 9 de setembro de 2008

Fazendo Missões. Parte 1


       Há muitas pessoas que pensam erroneamente que para fazer missões seria somente ir para outros países ou outras regiões dentro de nosso país, mas podemos fazer missões de três maneiras: orando pelos missionários, contribuindo financeiramente e indo para o campo.
       Muitos estão na igreja e não sabem para qual obra foram chamados uns pensam que somente para o ensino, outros para o louvor, outros aconselhamento ..., mas TODOS foram verdadeiramente chamados para fazer discípulos (Mt 28.19-20), ou seja, ganhar almas e sábios são os que assim o fazem (Pv 11.30).
       Bem aventurados são os nossos irmãos missionários que podem ir diretamente ao campo, ainda que passem por dificuldades e privações (Sl 126.5-6). Quanto aos que não podem ir pessoalmente podem orar, pois a oração do justo pode muito em seus efeitos (Tg 5.16) para que nossos irmãos alcancem mais e mais pessoas para evangelho (Mt 24.14).
       Nossos abnegados irmãos missionários muitas vezes estão longe de suas famílias, em uma cultura estranha, além destes fatores adversos padecem pela falta de recursos e nesta situação a igreja pode também contribuir financeiramente para a manutenção da obra. (Rm 15:26, 2 Co 8:1–5, 11:9)

       Continua (...)

sábado, 6 de setembro de 2008

Deus corrige a quem ama

       Quando nascemos em uma família justa esta se preocupará desde o início em passar seus valores aos seus filhos (Dt 6.6-8, Pv 22.6) e quando erramos devemos sim levar as primeiras palmadas nas fraldas, pois estas serão de grande ajuda em nossa educação (Pv 29.15). Depois ao crescermos iremos agradecer a nossos pais pela boa educação que nos foi dada (Hb 12.11).
       Quando aceitamos ao SENHOR Jesus com nosso salvador ele vai tirando de nós tudo que o desagrada e a todos que chama por filho Ele corrige (Hb 12.6). Infelizmente, há pessoas que pensam estarem acima de tudo e já não obedecem a seus pastores e lideres se auto proclamam como “ungidos” e por isso usam indevidamente o texto de Sl 105.15 que diz: “Não toqueis os meus ungidos, e não maltrateis os meus profetas.” para não aceitarem serem criticados e muito menos disciplinados.
       Vejamos um exemplo de um servo de Deus verdadeiramente ungido e como o SENHOR procedeu.
       O rei Davi que foi ungido verdadeiramente três vezes (I Samuel 16.1,12-13, II Samuel 2.4 e II Samuel 5.1-5) um homem segundo o coração de Deus (I Samuel 13.14) o SENHOR que ama a justiça e não tolera a iniqüidade usou a Natã o profeta para o repreendê-lo pelo pecado com Bate-Seba (II Samuel 11.2-4). Davi sendo ungido três vezes não ficou isento de crítica quando estava em pecado. O SENHOR nos nossos dias NÃO MUDOU (Sl 90.2, Hb 13.8) e não deixará os seus ungidos ou "ungidos" sem a devida correção.
       O escritor aos hebreus relata: “E, na verdade, toda a correção, ao presente, não parece ser de gozo, senão de tristeza, mas depois produz um fruto pacífico de justiça nos exercitados por ela. (Hb 12.11).Portanto, quando formos corrigidos venhamos nós alegrar, pois que filho há que o pai não corrija, mas senão somos corrigidos não somos filhos(Hb 12.6).

quinta-feira, 28 de agosto de 2008

Não se acostume às perdas

        Nas parábolas das cem ovelhas, das dez dracmas e do filho pródigo temos uma explícita lição na qual o Senhor Jesus nos mostra como ele se alegra no arrependimento de um pecador inveterado que estava perdido em seus pecados, mas que se arrependeu. Tentaremos demonstrar mais uma valiosa lição presente nestas parábolas.
       Na parábola das cem ovelhas (Lc 15.3-7) o pastor deixa protegidas noventa e nove ovelhas e sai em busca para recuperar apenas uma única perdida.
       Na parábola das dez dracmas o SENHOR nos aconselha a buscar diligentemente uma dracma perdida, embora ainda tivesse outras nove (Lc 15.8-10).
       Na parábola do filho pródigo (Lc 15.11-32) ocorreu a perda de um dos dois filhos e a alegria de seu retorno para o seu lar.
       Nestas três parábolas temos perdas de diferentes tamanhos na parábola das ovelhas das cem ovelhas perda de uma ovelha, ou seja, de 1% ; na parábola das dez dracmas de 1 dracma de 10, ou seja, de 10% já na parábola do filho pródigo perda de 1 filho de 2, ou seja, de 50%.
       Muitos estão gradativamente sofrendo perdas naquilo que o SENHOR lhe concedeu.... alguns cantavam no coral já não cantam mais...outros eram usados para pregar já não pregam mais ... evangelizar já não evangeliza mais ... , mas o SENHOR quer que venhamos buscar diligentemente o que perdemos (Lc 15.8).
       Nesta vida estamos sujeitos a sofrer perdas em todos sentidos: espiritual, material, afetivo etc. (Jó 1), mas podemos aprender mediante os exemplos destas parábolas que temos que lutar para recuperar estas perdas mesmo que sejam aparentemente pequenas ou grandes , e mesmo que não venhamos recuperar o que perdemos devemos louvar a Deus (Jó 1.21) e se for da vontade do SENHOR podemos não somente recuperar o que se havia perdido mais receber do SENHOR mais ainda do que perdemos. (Jó 42.12-17).

segunda-feira, 25 de agosto de 2008

A sabedoria escondida aos sábios deste mundo

       Em recente matéria da revista Época um pesquisador RICHARD LYNN afirmou que:"Ao analisar mais de 500 estudos, estava convencido da relação entre Q.I. alto e ateísmo. Em cerca de 60% dos 137 países avaliados, os mais crentes são os de Q.I. menor”. (Rm 1.21-22; Sl 14.1; 53.1)
       Refletindo sobre esta afirmação lembrei-me de uma parábola de um filosofo e de um barqueiro que diz o seguinte:
Um filosofo muito sábio a seus próprios olhos (Pv 3.7) precisava viajar de barco para chegar em determinado local ... e para fazer esta travessia teve que contratar um serviço de um humilde barqueiro ... para puxar assunto o filosofo perguntou ao barqueiro:
       -Você tem conhecimento de físico-química:
       -O barqueiro respondeu: Não senhor eu passei a vida toda aqui trabalhando nesta embarcação!
       -O filosofo respondeu: Perdeu parte de sua vida.
Passando mais um tempo ... o filosofo para mostrar -se superior perguntou para o barqueiro você conhece bioquímica?
       -O barqueiro respondeu: Não senhor eu passei a vida toda aqui trabalhando nesta embarcação!
       -O filosofo respondeu: Perdeu parte de sua vida
       Chegando mais ou menos no meio do caminho o barco bateu em uma pedra e começou afundar e o barqueiro preocupado perguntou para o filosofo: Você sabe nadar?
       -O filosofo respondeu: Não, não sei!
       -O barqueiro respondeu: Que pena! PERDEU TODA SUA VIDA!.
       Na época do apóstolo Paulo não era diferente não criam no evangelho (1 Co 1.23) buscavam a sabedoria humana (1 Co 1.22) honravam mais a criatura do que o criador (Ro 1.25), mas o SENHOR escolheu as coisas que não são deste mundo para confundir as que são(1 Co 1.27-28), e como todos iremos um dia partir para a eternidade temos que pensar também no que nos pode salvar e não perder toda nossa vida em algo que não nos pode salvar. (Cl 2.8 ; 1 Co 1.19-24)
       Existem ainda hoje muitos que supervalorizam o conhecimento secular em detrimento das coisas simples... no caso desta parábola temos alguém que tem uma formação acadêmica e que despreza o conhecimento adquirido com o senso comum e pela falta deste conhecimento perdeu sua vida. Do mesmo modo alguns ditos intelectuais ainda hoje desprezam os crentes e sua cosmovisão baseada na bíblia e dizem que temos um "QI menor", mas aprouve a Deus salvarmos pela "loucura da pregação"(1 Co 1.18,21) e ocultar isto aos sábios e intelectuais deste mundo (1 Co 1.26).

quinta-feira, 14 de agosto de 2008

Conselho de um sábio

       O sábio rei Salomão (1009 a 922 a.C.) foi o terceiro rei de Israel escreveu três livros (Provérbios, Cantares e Eclesiastes) na bíblia sagrada além do salmo 72 foi abençoado pelo SENHOR como mais sábio de sua época (1 Re 3:16-28; 4:29, 30).
       Acredita-se que Salomão ao escrever Cantares era jovem estava apaixonado pela Sulamita e que este relacionamento tipifica a relação de Cristo com a Igreja e Israel... que ao escrever Provérbios reuniu a sabedoria popular de sua época, mas que ao escrever Eclesiastes estava no fim de sua vida e que além de sua sabedoria dada pelo SENHOR acumulara uma grande experiência foi neste contexto que formulou uns dos seus maiores conselhos: "Lembra-te também do teu Criador nos dias da tua mocidade, antes que venham os maus dias, e cheguem os anos dos quais venhas a dizer: Não tenho neles contentamento;" (Ec 12:1)
       Hodiernamente vemos cada vez mais pessoas estão empenhadas na busca de prazeres hedonistas. Busca desenfreada por dinheiro (1 Tm 6.10,17-18), poder (Sl 62.11; Rm 12.16) e sexo (1 Co 6.10,19-20) e cada vez mais distante de Deus. Infelizmente, vemos que este tipo de busca não afeta só o mundo secular, mas também a Igreja.
       Muitos jovens dentro de nossas igrejas estão abandonando a fé buscando coisas efêmeras (1Tm 6: 6-7) e levam uma vida de ilusão. Jovens como: Beyoncé nos EUA e um vocalista de um grupo famoso (na verdade este grupo não existe mais) segue(m) este caminho entre muitos outros.
       No caso do exemplo brasileiro o jovem cresceu na igreja, mas não fazia sucesso decidiu então formar um grupo e este grupo tornou-se conhecido colocando palavras obscenas e letras de duplo sentido na boca de crianças e de pessoas de todas as idades ganharam muito dinheiro e fama (por pouco tempo)... mas abruptamente em um acidente teve sua vida ceifada (Mt 6.19-21; Lc 12.20).
       Mas como pode o jovem então sair deste laço? O Salmista tem a resposta:
"Como purificará o jovem o seu caminho? Observando-o conforme a tua palavra" (Sl 119.9) e o escritor do livro aos Hebreus acrescenta: "deixemos todo o embaraço, e o pecado que tão de perto nos rodeia, e corramos com paciência a carreira que nos está proposta, Olhando para Jesus, autor e consumador da fé" (Hb 12: 1-2)
       O SENHOR nos dá talentos (Mt 25:14-30) que são para serem usados em Sua obra e estes talentos serão cobrados (Mt 25:24-25 e 29 -30). Devemos buscar ao SENHOR com primazia (Mt 22. 36-38) e o seu reino (Mt 6.33) e cumpri o ide (Mt 28.19) e todas as coisas serão acrescentadas. Tudo que vemos no mundo é aparência, mas o que Deus tem preparado para nós e muito superior (2 Co 4.18; 1Co 2.9).

terça-feira, 12 de agosto de 2008

A verdade sobre as olimpíadas


      As olimpíadas tiveram sua origem na Grécia antiga, por volta de 776 a.C era realizada como tributo aos deuses gregos principalmente a Zeus considerado pela mitologia grega como senhor do céu e da terra. Com o tempo este evento ultrapassou as fronteiras da Grécia antiga e passou a ser celebrado por muitos povos inclusive os cristãos.
      Por volta de 393 d.C chegou a ser proibida pelo imperador cristão Teodósio I por ser um evento eivado de paganismo como: bacanais e orgias.
      As olimpíadas modernas foram idealizadas pelo Barão francês de Coubertin (1863-1937), com a intenção de reviver os mesmos jogos realizados na antigüidade. Apesar de muitos verem as olimpíadas como símbolo de "união" alguns eventos como: massacre em Munique 1972 de um grupo de onze judeus por um grupo terrorista palestino entre outros eventos mostram que não é bem assim.
      Nas olimpíadas de Pequim deste ano (2008), embora pouco noticiado pela imprensa o MP (Mensageiro da Paz) relatou a expulsão de missionários cristãos pelas autoridades chinesas e perseguição aos cristãos. Relatou também que no país há cerca de 50 milhões de cristãos sem bíblia, enquanto o governo durante o evento em um gesto de "bondade" distribui gratuitamente para os participantes das olimpíadas bíblias, mas perseguem de maneira perversa nos bastidores os cristãos. A imprensa internacional também embora de maneira tímida relatou o espancamento de jornalistas japoneses por policiais chineses.
      Como vemos as olimpíadas em sua origem é um evento pagão e que esta olimpíada de Pequim tem sido marcada pela intolerância política e religiosa, oremos por nossos irmãos chineses para que o evangelho vem alcançar mais pessoas naquele pais e por fim venha alcançar as autoridades para conceder a liberdade religiosa e política.

segunda-feira, 11 de agosto de 2008

Diálogo com jovem agnóstico

       Sabemos que o deus deste século tem cegado a mente dos incrédulos para que não vejam a luz do evangelho (2Co 4:4) e que pessoas influenciadas por uma pseudo-ciência chegam a desconfiar até mesmo da existência de nosso Deus (Sl 53.1), mas como sabemos Ele existe(At 17: 28) e que é galardoador dos que seriamente o buscam (Hb 11:6).
       Certa feita estava conversando e uma pessoa se dizia seriamente preocupada, pois havia um jovem no recinto e o mesmo afirmava com convicção que não conseguia acreditar ou desacreditar na existência de Deus, pois era AGNÓSTICO ... fiquei por algum tempo tentando compreender o que o levava a esta forma de pensar ... perguntei para o mesmo se havia acontecido algum problema de ordem familiar (tragédia, morte de ente querido, etc.) ele disse que NÃO que quando era menor ia constantemente a igreja e que sua família é até religiosa.
       Não satisfeito e querendo dissuadi-lo desta descrença, perguntei de maneira enfática o que te fez pensar assim e o jovem começou a relatar suas aulas de filosofia (Cl 2.8) e que seu professor o fez "pensar" e "refletir" sobre alguns assuntos como: Quem criou Deus? Há alguma coisa que Deus não possa fazer? e outros questionamentos do gênero. Comecei a arrazoar com ele dizendo que Deus era incriado, ou seja, não foi criado (Sl.90.2) que se pensarmos de maneira inteligente iríamos também questionar a visão científica que diz, por exemplo, que o universo surgiu de uma explosão (Big Bang) simplesmente para omitir a existência de um Deus Criador (Gn 1 e 2) e que na prática se explodirmos algo como um fusca não gerara nada além de destroços não se transformará ou "evoluirá" em um Vectra ... se pensarmos além... se acharmos um relógio na rua iríamos de forma inteligente dizer que este relógio evoluiu e suas as peças foram se juntando ou concluiríamos que alguém inteligente o fez. Se de modo inteligente concluímos que um simples relógio tem um criador inteligente quanto mais a nós que somos mais complexos (Rm 1:20-22)... e que finalmente que este Deus INTELIGENTE e CRIADOR é também onipotente (IS 43.13), ou seja, pode todas as coisas.
       A cerca do agnosticismo perguntei ao jovem se neste sistema não tem a seguinte máxima ou proposição:

Não existe verdade absoluta tudo tem passar pelo crivo da dúvida

       E o jovem disse sim, respondi então pois comece a duvidar deste sistema de pensamento que você diz acreditar, pois ele se contradiz a si próprio em seu enunciado, senão existe verdade absoluta o próprio enunciado não é uma verdade absoluta.